25º Festival de Contis começa nesta semana com participação do Festival Brasileiro de Nanometragem

Edição deste ano do festival francês será realizada de forma virtual.

 

Tem início nesta quinta-feira, 2 de julho, a 25° edição do Festival Internacional de Contis (França), evento que, há 7 anos, em uma parceria com a Incubadora de Artistas, exibe filmes do Festival Brasileiro de Nanometragem.

 

Importante polo de fomento ao cinema e à cultura, o Festival de Contis apresenta produções audiovisuais da Europa, África e Brasil, além de intervenções artísticas, performances, exposições e debates. Neste ano, por conta da pandemia mundial, o evento, que tem como sede o balneário de Saint Julien en Born, na França, será realizado de forma totalmente virtual.

 


25º Festival de Contis começa nesta semana
(Imagem: Reprodução site Festival de Contis)

 

De acordo com a organização, “toda a equipe está mobilizada para que esta edição desmaterializada reflita a identidade multidisciplinar e atípica do Festival, por meio de um rico e variado programa artístico, em um ambiente alegre e participativo”. Será uma oportunidade de conferir o que acontece no evento, daqui do Brasil, do sofá de casa!

 


Cinema de Contis estará fechado neste ano, aguardando dias melhores
(Foto: Incubadora de Artistas)

 

A exibição dos filmes do 7º Festival Brasileiro de Nanometragem está programada para acontecer no domingo, 5 de julho, a partir das 4 horas, no horário de Brasília.

 

Nanometragem

 

O formato nanometragem, filme com até 45 segundos de duração, idealizado pela Incubadora de Artistas, também foi incorporado à produção europeia exibida em Contis, que criou sua própria versão de incentivo a este tipo de filme, o “Grand Concours de Nanométrages”.

 

 

Como parte do intercâmbio cultural, os quatro premiados na França participarão da 8ª edição do Festival Brasileiro de Nanometragem, que será realizado no começo de 2021, em Atibaia.

 

25 anos do Festival de Contis

 

Neste ano, o Festival Internacional de Contis celebra 25 anos com uma homenagem especial a todas as edições anteriores do evento.

 


Homenagem a Uncle Dunha em Contis (Foto: Incubadora de Artistas)

 

Dentro desse enredo, um personagem importante é Uncle Dunha, alter ego do fotógrafo e artista visual Vitor Carvalho, diretor da Incubadora de Artistas.

 


Vitor Carvalho na 23ª edição do Festival de Contis (Foto: Incubadora de Artistas)

 

Presente em várias edições do festival, realizando intervenções artísticas, júri, debates e a arte gráfica de alguns dos cartazes, o artista de Atibaia também fará parte do compilado de histórias do festival, que poderá ser visto na página www.cinema-contis.fr/site_festival/25-ans-de-festival-2/.


Como participar do Festival de Contis

 

Neste ano, não haverá areia fina entre os dedos dos pés, nem coquetéis no bar do cinema, mas uma edição exclusivamente on-line, que estará disponível de 2 a 6 de julho.

 


Festival de Contis em 2018 (Foto: Incubadora de Artistas)

 

Como o número de vagas é limitado por sessão, a organização do evento recomenda que os interessados reservem suas vagas o mais rápido possível, após a divulgação dos links.

 

A página com os links para ter acesso à programação estará disponível a partir de quinta-feira (2), às 13h30, no horário de Brasília, com a abertura do Festival e da exposição virtual em homenagem aos 25 anos do evento, através do site www.cinema-contis.fr/.

 

Nanometragens Brasileiros no 25º Festival Internacional de Contis:

 

1/ CHAMAMENTO (Appelez) de Ian Iordanu – Atibaia
2/ INFLAVEIS (Gonflables) de Gunga Guerra – Niterói
3/ 100M de Jackson Abacatu – Belo Horizonte
4/ SKY LINES (Les lignes du ciel) de Hamilton Bittendourt – Pelotas
5/ O BEIJO DA MORTE (Le baiser de la mort) de Ana Beauregard – Atibaia
6/ (DES)MATAMENTO (Déforestation) de Gunga Guerra – Niterói
7/ ACORDA BASQUIAT (Réveiller Basquiat) de Diana Cardozo – Belo Horizonte
8/ CARPE DIEM de Eddie Silva – Assis
9/ JOGOS DE GUERRA (Jeux de guerre) de Wayner Tristão et Vanessa Malheiro – Juazeiro
10/ PROCISSÃO DAS FLORES (Cortège de fleurs) de Academia Voodoo de Corpo et Baile – Rio Pequeno
11/ VALO, O MOTORISTA (Valo, le chauffeur) de Rodrigo Felix – Atibaia

 

Outras Informações

 

Site do Festival Internacional de Contis: www.cinema-contis.fr/

 

Para ver o programa de exibição dos filmes do 7º Festival Brasileiro de Nanometragem em Contis: https://pt.calameo.com/read/000948084611935a7f2ce?language=fr&page=27

 

Para ver a lista de filmes do 7º Festival Brasileiro de de Nanometragem que serão exibidos: http://www.cinema-contis.fr/site_festival/video/concours-nanometrages-2/

 

Incubadora de Artistas: contato@incubadoradeartistas.com.br 

 

Festival Brasileiro de Nanometragem: www.festivaldenanometragem.com.br