Artistas

Fernando

DURÃO

Fernando Durão

Fernando Manuel da Costa Durão é pintor, desenhista, ilustrador, designer gráfico, fotógrafo, crítico de arte e crítico de fotografia. Nasceu na cidade do Porto, Portugal em 29 de maio de 1952.

 

Desde cedo demostrou vocação para as artes plásticas e visuais, dedicando-se à pintura, ilustração, criação de capas de livros, desenho de estamparia. Nesse período, já frequentava a Escola de Belas Artes Soares dos Reis, que se diferenciava do ensino padrão pelo enfoque nas artes visuais. Em 1969, devido à guerra colonial com Angola e à ditadura, sua família mudou-se para o Brasil, Rio de Janeiro, onde deu continuidade à sua vocação, frequentando ateliês de jovens artistas, participando de exposições de pintura e fazendo desenho de cartazes.

 

Em 1970, transferiu-se para São Paulo, onde sua carreira como artista visual cresceu rapidamente com exposições em importantes locais como: MASP , Bienal Nacional de São Paulo, MACC- Campinas, Museu de Arte Brasileira, Memorial da América Latina, etc. Desde então, realizou exposições individuais em renomadas galerias e museus no Brasil e exterior (Portugal, Alemanha, Argentina, Itália e outros).

 

A partir de 1977, passou a dirigir galerias de arte, espaços culturais, além de realizar inúmeros projetos como curador e artista e escrever sobre artes visuais (plásticas e fotográficas) em jornais, revistas e catálogos de exposições.

 

Participou também, de inúmeros salões de artes plásticas e fotográficas, como membro de juri em diversas cidades do Estado de São Paulo.

 

Desde 1999 recebe convites para participar de comissões de arte da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo e do Museu Brasileiro da Escultura-MUBE.

 

Atualmente, é presidente eleito da APAP-SP Associação Profissional de Artistas Plásticas e tem um Caderno sobre Fotografia na Revista Consulte - Arte, Decoração e Arquitetura.

 

Realiza , com frequência, viagens para o exterior para divulgação de sua obra em exposições , intercâmbio cultural com artistas e atualização dos movimentos culturais no cenário internacional na Europa e América Latina.

 

Em 2016, foi curador de uma das salas da exposição "Retrahere", da Incubadora de Artistas, que abordou de formas diversas o tema "retrato".

 

Vídeo da Exposição Retrahere: